Rede varejista fluminense anuncia ampliação de lojas no Espírito Santo

A rede varejista fluminense, a Casa & Vídeo, já tem data marcada para chegar ao Espírito Santo: 10 de outubro. Com 1.325 m² a nova unidade ficará no Shopping Vila Velha e é a segunda loja da marca a ser inaugurada fora do Rio de Janeiro após o período de reestruturação vivido nos últimos três anos. O plano de expansão marca o início de uma nova fase para a varejista, que já inaugurou em São Paulo e agora no Espírito Santo. Até o final de 2019, a rede planeja abrir mais quatro unidades em território capixaba.

O Espírito Santo foi escolhido para ser um dos primeiros a receber as lojas da rede. “Levamos em conta todo o potencial de crescimento que a economia do Espírito Santo apresenta, além da proximidade com o Rio de Janeiro, onde está o nosso centro de distribuição, que é um grande facilitador para o processo de logística”, destaca Carlos Ricardo de Carvalho, Diretor de Lojas da Casa & Vídeo.

A varejista planeja novos investimentos por meio do plano de expansão, que prevê a abertura de mais quatro lojas no estado nos próximos 2 anos. As cidades a receberem as novas unidades ainda estão sendo estudadas. A vinda da Casa & Vídeo irá movimentar a economia capixaba, gerando cerca de 100 empregos diretos e mais de 10MM/ano em arrecadação de impostos.

Diante de um cenário de crise econômica, sobretudo da retração acumulada de 7,05% sofrida pela economia do Rio de Janeiro desde 2015, onde conta com 93 lojas, a Casa & Vídeo precisou promover uma reestruturação do negócio com corte de 30% dos custos fixos da rede. A medida incluiu renegociação de aluguéis, redução do quadro de pessoal e investimento em tecnologia voltada para a previsão de demanda, com o objetivo de otimizar a logística de operação das lojas, reduzindo custos.

“A reestruturação foi um momento difícil, mas por meio dela alcançamos novamente o equilíbrio financeiro e saímos mais fortes e eficientes. A revisão de alguns processos e o investimento em tecnologia para a mensuração mais precisa da demanda foi fundamental nesse período e é uma medida que levaremos para as novas praças em que iremos atuar. Estamos ansiosos e animados para iniciar as operações no Espírito Santo e oferecer as melhores opções de produtos para os capixabas”, conclui Carlos.

Imagem: Reprodução
Fonte: ES Hoje