Democrata chega ao Rio com um plano ambicioso de expansão territorial

Marca de sapatos exporta para países da América Latina, Europa e Ásia

Sabe aquelas histórias de família que mais parecem sagas? Kamila Cintra tem uma boa para contar. Filha de Urias Cintra, o homem por trás da Democrata, gigante dos sapatos masculinos, ela gostava de ouvir o pai narrar o episódio que deu a alavancada no negócio. Lá atrás, quando Urias produzia 10 pares de calçados por dia, em Franca, em São Paulo, a fábrica vizinha foi lambida pelo fogo, uma cena sem igual. Como estavam no mesmo ramo, o dono do espaço, sem condição, pediu que o colega desse um jeito nos modelos que sobreviveram ao incêndio. Em troca, o empresário mineiro poderia pegar no almoxarifado os couros que não estavam queimados. Com os pedacinhos intactos, Urias confeccionou 300 exemplares e ganhou o fôlego necessário para fazer a grife, fundada em 1983, caminhar — a passos largos.

Cheia de gás e com o passaporte lotado de carimbos, a Democrata, que exporta para países da América Latina, Europa e Ásia, desembarca no Rio esta semana com lojas no BarraShopping e no Shopping Tijuca. Até fevereiro, esse número subirá para cinco. A médio prazo, a intenção é abrir outras 15 praças. O plano é realmente ambicioso.

— Temos um respeito enorme pela cidade, e a ideia foi honrar essa cultura em todos os detalhes. O projeto arquitetônico foi pensado por um escritório local e desenvolvemos sapatos só para o carioca — diz Kamila, diretora criativa da marca.

Formada em Design de Joias na Central Saint Martins, em Londres, a moça trabalha ao lado do pai, o CEO da empresa, que toma conta dos mínimos detalhes.

— Ele participa das reuniões de produto, constrói as estratégias de preço e mercado. É um homem muito apaixonado pelo que faz — comenta.

Além de Urias, Kamila tem uma equipe de designers e modelistas que desenvolvem as criações internamente, logo depois das viagens de inspirações pela Europa. As amostras da coleção, aliás, são feitas na pequena fábrica da grife em Franca. O grosso — leiam-se 12 mil pares por dia — é produzido no Ceará, em dois espaços.

— Acabamos de lançar um novo conceito de sapatos, que batizamos Urban. A ideia é rejuvenescer a marca e trazer um lifestyle mais leve e despojado — explica Kamila, que fechou parceria na última edição da São Paulo Fashion Week com a carioquíssima Handred, de André Namitala. — Também já colaboramos com o Alexandre Herchcovitch.

Entendida do riscado, a designer paulista, de 32 anos, afirma que homens também têm uma porção Carrie Bradshaw (Sarah Jessica Parker), a protagonista da franquia “Sex and the City” aficionada por Manolo Blahnik e afins:

— Uma vez recebemos uma foto de um cliente com 20 exemplares de Democrata.

A resposta?

— Enviamos mais um de presente para ele.

Imagem: Reprodução
Fonte: O Globo